{RESENHA} Não Era Eu, Era Você - Renata Varela

abril 11, 2017

Título: Não Era Eu, Era Você
Autora: Renata Varela
Ano de Publicação: 2016
Skoob: Adicione
Compre: Amazon (Ele é de graça no KindleUnlimited)
Nota:  3,5
Sinopse: Um romance sobre assumir, perdoar e cometer erros. Francine se orgulha de várias coisas. Ela sabe que é uma ótima corretora de imóveis e se orgulha de ser valorizada em sua profissão. Francine também sabe que o amor de sua família é grande e se orgulha da relação que mantém sempre balanceada com as irmãs, Franciele e Fernanda. Ela também se orgulha de ter o coração "de pedra", como costumam descrever, e não ter se apaixonado de verdade desde os quinze anos. Agora, Francine acaba de completar vinte e cinco verões. Está no começo da vida, na flor da idade, e esse ano tem tudo para ser o melhor de sua vida. Ela está no topo de tudo, mas, se há um problema de estar no topo, é que o vento lá por cima é sempre muito forte; pode fazê-la despencar em um piscar de olhos.

Francine você me rendeu boas risadas, e também me fez passar um pouco raiva com você, mas eu te entendo, e te amo mesmo assim.

O livro conta a historia de Franciene, uma jovem que sabe o que quer. O livro começa com Franciele completando 25 anos e decidindo de uma vez por todas que precisa mudar de vida, pelo menos vai tentar né? E porque não tentar mudar já na comemoração do seu aniversário? Ela decide sair com sua amiga Ana, e acabou ficando com um carinha (nada sério por ser Francine).

Na manha seguinte sua irmã Franciele ou melhor Elie a chama para comemorar novamente, mesmo não querendo ir ela aceita, e em meio de bebidas e multidão ela se encanta com um misteriosos homem, um loirinho lindo com os dentes levemente tortos, mas que ela acaba sem saber quem ele é.

"A busca pelo amor verdadeiro fica um pouco difícil quando quem procura, não acredita."

Por fim quando ela menos esperava, descobre que o misterioso homem da boate mora bem em cima do seu apartamento, e tem o nome de Arthur, e bom, eles infelizmente não se dão muito bem logo de início, ele tem uma simples facilidade de irritá-la.

Portanto muitas coisas vão acontecer nesse meio tempo. Para saber mais vocês vão ter que ler, pois não vou dar spoilers.


"Me pego, de surpresa, pensando que eu quero alguém que tire minha franja do olho quando estiver me incomodando, e defenda minhas falhas com garra, completando-me como eu penso que deveria ser feito. Estou certa que, nesse tabuleiro de xadrez, sou um peão, facilmente descartado, quando na verdade gostaria de ser a Rainha."

O livro é muito bom, retrata a realidade, sem muita coisa clichê, recomento para quem gosta de livro assim, e claro quer dar boas risadas. Infelizmente demorei um pouco para ler por conta da correria do meu dia-a-dia, mas é uma leitura muito simples e rápida. E o que dizer sobre cada inicio de capítulo ter um trecho de musica, e musicas que eu amo, adorei isso.

"Mas esse é o mais engraçado da vida: nos faz rir do que um dia iremos nos transformar, e ter medo do que, no fim, é o que a gente mais deseja. Então, se você acha que tem um plano traçado, amassa o papel e joga fora. Porque nada que a gente planeja, acontece da forma que a gente quer. E é bem melhor quando não temos nada na cabeça, pois a surpresa e o frio no estômago torna tudo muito mais incrível."

Não posso deixar de falar que: O LIVRO ESTÁ EM PREPARAÇÃO PARA SE TORNA FÍSICO, HUHUL. Assim que for lançado faço um post falando sobre.


POSTAGENS RELACIONADAS:

2 comentários

  1. Parece Bem fofo esse livro, a história Como você mesmo disse, cotidiana sem ser clichê, faz a gente se identificar com a realidade dos personagens. 😘

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita e volte sempre.